Quando começar a pagar a formatura? Tire suas dúvidas aqui!

6 minutos para ler

Antes de entrar para a faculdade a dúvida era qual curso escolher. Depois desse momento de unidunitê e semestre em andamento, eis que surge outro dilema: quando começar a pagar a formatura?

Que ninguém deseja perder a festança de celebração de uma das melhores conquistas da vida é fato, mas é preciso decidir sobre o pagamento o quanto antes para fazer um planejamento financeiro adequado.

Neste post vamos ajudar você a analisar as possibilidades e decidir quando deve começar a pagar a formatura. O importante é ter em mente que esse momento, tão especial na vida de um acadêmico, não pode passar batido, combinado?

Como estruturar as finanças?

Muita gente diz que a festa de formatura pode ter um preço elevado, mas não se assuste ou leve em consideração sem antes analisar o custo-benefício, afinal, estamos falando de uma festa glamorosa para muitas pessoas, com tudo que os formandos têm direito.

Todo investimento requer planejamento e a melhor forma de fazer isso é estruturar as finanças priorizando um objetivo específico. A vida universitária não é fácil — você terá pequenas despesas que somadas vão se tornar grandes — por isso, o melhor caminho é mesmo fazer um projetinho financeiro.

Talvez você tenha o apoio financeiro dos pais para pagar as despesas, mas caso essa não seja uma realidade, arregace as mangas e comece a pensar nas possibilidades. A faculdade é um período de aprendizado e a parte financeira não fica de fora — ao pensar no pagamento da formatura, você estará aprendendo a planejar uma vida inteira.

Veja o que você pode fazer para começar a pagar a formatura sem sentir o peso da mensalidade.

Liste todos os seus gastos

O que você tem a pagar todos os meses? Colocar no papel todos os gastos é uma boa forma de ter melhor dimensão das contas e incluir a mensalidade da formatura no meio. Você pode se surpreender com a quantidade de gastos e perceber que faziam uma grande diferença.

Inicie pelas prioridades ou valores mais altos, tentando não se esquecer de cada centavo gasto. É fundamental para não fazer uma previsão furada e depois descobrir que não tem grana para cobrir as despesas e ficar inadimplente — fuja dos juros.

Lembre-se de que os seus gastos devem ser menores do que o que você recebe, não importa se é bolsa de estágio, mesada dos pais ou salário. Gastar mais do que o possível vai fazer você entrar no vermelho todos os meses e virar bola de neve, cada vez maior.

Elimine as despesas desnecessárias

Tem gente que compra tudo que vê pela frente, mesmo sem necessidade. Se você for alguém assim, trate logo de repensar sua relação com o dinheiro. Existem quatro perguntinhas básicas para economizar — Eu quero? Eu preciso? Eu posso? Eu devo? — e redirecionar o dinheiro.

A tentação de gastar dinheiro com coisas desnecessárias pode ser grande, mas você precisa ser forte e se lembrar do que é mais importante. Quando surgir algo que seja legal, mas que você de fato não precisa, volte ao primeiro tópico e consulte a lista de gastos — só compre se couber no orçamento.

Powered by Rock Convert

Poupe uma parte de sua renda

O ideal para quem quer organizar as finanças pessoais é guardar cerca de 30% de toda a renda, mas sabemos que nem sempre isso é possível. Logo, tente poupar ao máximo, assim sobrará grana para começar pagar a formatura — talvez você tenha que abrir mão de uns rolês, mas será por uma boa causa.

Mas, e se eu não tiver uma boa renda? Como dissemos, é essencial listar tudo que tem a pagar e priorizar as contas. Como universitário pode ser que você tenha limitações financeiras. Se não puder recorrer a uma ajuda da família para pagar a festa de formatura, pense em algo extra.

Muitos universitários vendem coisas dentro e fora da faculdade, sabia? Dos docinhos às rifas é comum ver um formando oferecendo algo no intervalo. É preciso, contudo, ver as normas da instituição para comercialização dentro das dependências.

Existem também outras formas de ganhar uma grana. O e-commerce, por exemplo, está bombando e você pode aproveitar o fato de conhecer muita gente para pensar em vendas online e usar as redes sociais para divulgação.

Quais são as vantagens de começar a pagar a formatura quanto antes?

Há benefícios em começar a pagar formatura antecipadamente. Além de dar à comissão de formatura possibilidade de contratar melhor os serviços, você chegará ao final com tudo pago e poderá aproveitar a festa com tudo a que tem direito.

O primeiro passo é contratar a empresa de formatura especializada para cuidar da gestão do fundo. Além de fazer o acompanhamento dos pagamentos mensais vai garantir que o dinheiro esteja guardado e gerido de forma correta. Sem contar que, sendo especializada, terá condições de negociar com fornecedores e prestadores de serviços.

Ahhhh! E a participação desde o início, vai garantir o ingresso em eventos e festas exclusivas, condições especiais e descontos pelo fato de ser um membro do fundo de formatura. Bom, né?

As facilidades que uma empresa de formatura pode proporcionar aos formandos estão totalmente vinculadas à arrecadação do fundo. Como tudo tem um preço, ter o dinheiro em mãos aumenta o poder de barganha para favorecer toda a galera.

Já pensou na alegria dos seus convidados e também dos coleguinhas ao chegar a um salão todo decorado e poder passar boas horas celebrando uma conquista tão importante?

Um dia para guardar de recordação, para quando o profissional do futuro olhar para trás e se lembrar daquele jovem cheio de sonhos, que passou perrengue para pagar as contas e as parcelas da formatura.

Esse profissional terá aprendido a fazer economia, poupar parte da renda e ensinará a seus filhos que a melhor coisa ao chegar à faculdade é já decidir quando começar a pagar a formatura. Um exercício prático de planejamento financeiro que vale para vida toda.

Curtiu o post? Percebeu que é possível começar a pagar a formatura sem estresse? Assine, então, a nossa newsletter e receba conteúdos com dicas incríveis sobre o universo acadêmico, diretamente na sua caixa de e-mail!

Posts relacionados

Deixe um comentário