Orientação profissional: descubra qual a melhor área para você

Tempo de leitura: 6 minutos

O que você vai ser “quando crescer”? — já ouviu essa pergunta quando era criança e só pensava em brincar? Pois é, chegou a hora de trocar os brinquedos pelos livros, arregaçar as mangas e estudar bastante para se tornar gente grande.

Só que para ser o melhor “profissa”, primeiro você precisa decidir qual é a área que faz seu coração bater mais forte. Existem diversas possibilidades e, certamente, você já esteve em dúvidas sobre várias delas, sem conseguir tomar uma decisão.

Nesses casos, o caminho mais acertado é o da orientação profissional e neste post você vai conferir umas dicas maneiras de como descobrir sua mais provável vocação e se dedicar àquilo que gosta e ainda ganhar uma grana por isso em um bom emprego.

O que é orientação profissional

Quando o ensino médio vai chegando ao fim, é momento de deixar um pouco de lado os rolês, os contatinhos e o crush e dar uma atenção especial ao Enem, se quiser ingressar na faculdade.

Parece uma decisão simples — se inscrever para a prova, escolher o curso e estudar por horas a fio para obter uma boa pontuação e “pá”, tá dentro. Mas, como nem tudo na vida é resolvido em um passe de mágica, para dar aquela pitada de dificuldade surge um leque de profissões para todos os gostos.

Pode até ser que você siga os passos de alguém da família ou daquele professor nota dez dos tempos da escola, mas, para ter uma média certeza, vale investir na orientação profissional, que é traçar uma conexão entre o autoconhecimento e as profissões com suas inúmeras características.

É um pouco tenso esse momento, viu? Mas pode relaxar e deixar as unhas em paz, porque a maioria dos jovens da sua idade está passando pelo mesmo perrengue e você não vai querer ficar de fora do movimento, não é mesmo? Então, preparado para novos ares?

Faça testes

Ah, os testes! São sempre muito intuitivos e têm a função de mapear as possibilidades para você, demonstrando onde se encaixam a sua personalidade e suas habilidades dentro dos cursos e no exercício da futura profissão.

Não adianta querer ser médico cirurgião se tem pavor de ver sangue, por exemplo. Por meio de formulários com diversas perguntas, é possível conhecer o seu perfil para auxiliar o processo de escolha e não desistir bem próximo da formatura por total falta de sintonia com a profissão. Tempo perdido e dinheiro jogado fora, né non?

Seja autêntico

Por favor, não seja poser! A autenticidade é o que de mais bonito um ser tem a oferecer para a sociedade, logo, converse com os pais, com os professores, faça testes, mas, acima de tudo, seja você.

A postura profissional no futuro vai demonstrar como você fez essa caminhada até ali e a credibilidade e a competência que as pessoas enxergarão em você estarão intimamente ligadas a ela.

Busque informações na internet

A tecnologia não é feita só para dar acesso às redes sociais e para manter seu status atualizado. Nesse período de pura indecisão sobre que curso encarar em sua jornada universitária, a internet pode ser sua maior aliada, do tipo miga mesmo, sabe?

Você vai passar mais tempo conectado a ela do que às amigas preocupadas somente com o rolê do fim de semana. E é ela — a internet — que dispõe de informações preciosas sobre todos os cursos, conteúdo programático, carga horária, mercado de trabalho. Pronto, junte aí os ingrediente e a pizza está no jeito!

Viva com pessoas diferentes

Cole nas pessoas que têm algo a oferecer para dar suporte às suas escolhas, pois essa sim é uma atitude inteligente e de sucesso. Aprender com quem sabe mais que a gente é uma estratégia infalível, pois evita que alguns erros sejam cometidos ao longo de uma trajetória, fazendo um atalho e tanto.

Conheça seu pior lado

Parece meio sinistro isso aê, mas não é. Quando você conhecer suas maiores dificuldades e deficiências saberá o que pode e deve ser melhorado, o que para um futuro profissional é bastante importante.

Além de apontar os defeitinhos, vai dar aquela turbinada no que você tem de melhor e pode ser que você se surpreenda com tantos talentos até então desconhecidos. Os pontos fracos da sua personalidade podem ser pilares para evidenciar os seus pontos fortes.

Peça ajuda

A orientação profissional não precisa ser de um especialista no assunto somente e qualquer pessoa que tenha passado pela mesma situação que você tem condições de dar uma dica ou uma sugestão. Vamos combinar que a experiência conta muito nessas horas e que você precisa de alguém com conhecimento e prática.

Parta em busca de informações valiosas e isso quer dizer que está valendo conversar com professores, com os pais das migas e migos ou até mesmo com o dentista na próxima sessão, se você sentir uma sintonia com a profissão e que pode curtir extrair dentes ou fazer obturações.

Uma coisa é certa, não escolha uma carreira apenas porque uma determinada profissão vai trazer retorno financeiro. A grana é boa e fundamental para alcançar algum conforto, mas pode ser um tiro no pé se você descobre depois não ter nada a ver com o curso escolhido — é frustração cortando na alta.

Há profissões que exigem dedicação, empenho e conhecimento aprofundado, por isso, tenha calma na hora de avaliar os cursos e as áreas, fazendo perguntas que você possa responder com a razão e o coração ao mesmo tempo, para só assim entender o universo que envolve uma profissão.

Por fim, a universidade é uma das melhores experiências da vida e você terá oportunidade, além de participar de uns rolês daora com os colegas da faculdade, de aprender muito e conviver com professores admiráveis em universos desconhecidos, mas desafiadores.

É o período de uma bela transição para a vida adulta sem sofrimento ou pressão, a não ser pelas exigências dos livros, mas essas coleguinhas são para transformar você em um cidadão de pura competência e autoridade profissional.

Você curtiu essas dicas sobre a orientação profissional? Então continue dando um rolê por nosso blog, leia agora mesmo o texto 5 desafios na vida de um universitário e se torne um especialista antes mesmo de ingressar no universo acadêmico!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *