Confira 6 dicas incríveis para se dar bem no trabalho em grupo

Tempo de leitura: 6 minutos

Na faculdade é comum ter que fazer trabalho em grupo, mas isso costuma gerar receio nos estudantes. Infelizmente, essa atividade é conhecida como uma das principais geradoras de conflitos durante a universidade.

Nem todos têm as mesmas ideias sobre como realizar a atividade, o que pode gerar algumas discussões. Além disso, não podemos negar que alguns estudantes preferem curtir o curso com tranquilidade e sem muito empenho, enquanto os colegas se viram nos 30 pra entregar os trabalhos no prazo. Por isso, muitas vezes os trabalhos em grupo se tornam verdadeiros exercícios de paciência.

Mas não precisa se desesperar! Separamos 6 dicas incríveis para você encarar esse desafio e tirar de letra os trabalhos em grupo durante a faculdade. Confira!

1. Escolha bem os membros da equipe

Se você vai ter que trabalhar em grupo, o melhor jeito de começar é escolhendo os membros da equipe com sabedoria. Sabe aquele seu amigo que topa todos os rolês, mas não curte muito se dedicar aos estudos e outras atividades do curso? Eu sei que ele é uma das primeiras pessoas que pinta na sua mente na hora de pensar no grupo, mas, provavelmente, ele não é uma boa opção.

Dê preferência para colegas que sejam comprometidos com os estudos e que você sabe que vão se dedicar ao trabalho em grupo. Com todos focados em ter um bom desempenho, fica mais fácil se organizar.

Porém, se você não consegue dizer não para o seu amigo festeiro, tenha um diálogo aberto sobre responsabilidade e alinhe as expectativas. Porém, também vale a pena deixar um pé atrás e se preparar para, eventualmente, lidar com o excesso de tarefas para dar conta da parte dele.

Não podemos esquecer daqueles professores que, para evitar problemas na formação dos grupos, decide sozinho sobre as equipes, não é verdade? Pode parecer péssimo ter que lidar com colegas que você mal conhece ou, até mesmo, que não gosta muito, mas essa é uma ótima oportunidade para conhecer melhor essas pessoas e expandir o seu networking.

2. Defina as formas de comunicação

Cada colega tem seus próprios horários e rotina, o que dificulta a realização de muitas reuniões. Para resolver esse problema, definam meios de comunicação que permitam a participação de todos, como grupos no WhatsApp, arquivos em nuvem ou e-mails.

Isso é importante para que todos os dados fiquem centralizados e de fácil acesso. Já pensou a confusão que pode acontecer se cada um conversar apenas de forma privada e isolada de outros membros? O desencontro de informações pode prejudicar o desempenho do grupo e gerar conflitos.

Com tudo registrado em um só lugar, todos saberão onde estão os dados necessários sobre o trabalho e ninguém poderá dar a desculpa de que não sabia de algum detalhe exigido, caso não cumpra com a sua parte. Lembre-se de que, para evitar problemas, a clareza é fundamental.

3. Divida as tarefas de forma justa

A divisão de tarefas, também responsável por várias divisões de grupos e términos de amizades, precisa ser feita de forma justa, considerando os talentos e a disponibilidade de cada membro da equipe. É importante que ninguém fique sobrecarregado e que todos tenham o mesmo comprometimento com o trabalho.

Aqui existem dois problemas comuns: o primeiro são as pessoas que acham que ninguém fará um trabalho melhor que elas, e decidem acumular tarefas (quem nunca?). O segundo são as pessoas que não estão realmente com vontade de se dedicar, colocando dificuldades para assumir qualquer compromisso.

O fato é que o trabalho em grupo exige a dedicação de todos, então é preciso ser maleável e distribuir as atividades de forma equilibrada. Um bom diálogo para identificar as habilidades e interesses de cada um é a melhor forma de organizar isso sem discussões.

4. Estabeleça um cronograma

Depois de dividir as tarefas entre todos os membros, é preciso garantir que todos cumprirão os prazos: é hora de criar um cronograma, estabelecendo as datas para a conclusão de cada etapa e da reunião final para alinhar o trabalho.

Apesar de cada membro se responsabilizar por uma parte, tenha em mente que o trabalho é único e deve estar bem estruturado. Portanto, um encontro para que todos fiquem por dentro do que foi feito, unir todos os pedaços e, se for necessário, fazer as adequações, é essencial.

Uma dica importante é sempre não deixar para a última hora e ter alguns dias “de sobra” após cada prazo. Assim, se alguém pisar na bola e não cumprir as tarefas a tempo, os outros membros podem resolver o problema para evitar prejuízos na nota.

5. Aceite a opinião dos outros

Lembra que eu falei sobre as pessoas que acham que farão um trabalho melhor que os colegas? Então, é preciso ter em mente que você pode ser essa pessoa. Mas calma! Isso não é um defeito. Na verdade, é reflexo da sua dedicação e preocupação com a faculdade.

Porém, mesmo que você acredite que está certo, em algumas situações será necessário aceitar a opinião dos outros e ceder. Se as suas ideias não forem aceitas, não leve para o lado pessoal. Eu sei que, às vezes, é difícil ver ideias que achamos ótimas descartadas pelos outros, mas isso pode acontecer em várias oportunidades durante a sua carreira.

Saber lidar com isso é importante para o crescimento profissional e para aprender a lidar com as adversidades, bastante comuns no dia a dia de qualquer profissão. Mesmo contrário à sua opinião, dedique-se para fazer a sua parte bem-feita e entregar uma atividade de qualidade. E se, ao final do trabalho em grupo, ficar provado que a sua ideia era melhor, resista à tentação de dizer “eu avisei” para evitar atritos.

6. Valorize o diálogo

Finalmente, valorize sempre o diálogo e a boa comunicação. Ouça as ideias dos outros, exponha a sua opinião e, caso fique desconfortável com alguma situação, explique-a. A maior parte dos problemas que acontecem no trabalho em grupo podem ser solucionados com uma simples conversa.

Ao falar sobre problemas, converse sempre com todo o grupo ou em um canal que todos tenham acesso. Isso evita que alguns membros interpretem isso como fofoca, o que pode gerar atritos e atrapalhar o desenvolvimento da atividade. Uma comunicação sincera e aberta é a chave para ter sucesso nos trabalhos em equipe.

Viu só? O trabalho em grupo pode até ter a fama de tarefa complicada, mas, com as nossas dicas, com certeza você vai se dar bem e superar esse desafio com um ótimo desempenho. Aproveite a oportunidade para conhecer melhor os seus amigos e desenvolver habilidades de liderança, bastante valorizadas no mercado de trabalho.

Curtiu essas dicas? Se você quer mais informações para se organizar da melhor forma para a faculdade, aproveite para descobrir o que levar no primeiro dia de aula e como se sair bem!

Powered by Rock Convert

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *