Como evitar calote de empresa de formatura? A gente explica!

Tempo de leitura: 6 minutos

Ninguém deseja tomar calote, ainda mais quando o investimento envolve o sonho de uma galera inteira depois de tanto perrengue ao longo dos anos de estudos. Só quem abre mão de alguns aspectos da vida sabe o que significa o momento da formatura.

Nenhuma empresa vem com estrela de honestidade estampada, mas alguns fatores podem dar indícios de uma má conduta e atentar a eles vai ajudar a turma em uma ação preventiva e saber como evitar calote de empresa de formatura.

Como você e sua turma, certamente, não têm a menor intenção de celebrar a conquista dividindo um sanduba no trailer da esquina, a gente trouxe, neste post, algumas dicas top das galáxias para ajudar na identificação imediata de uma empresa tretosa!

A pesquisa de mercado é fundamental

Dá trabalho? Dá, mas se você e sua turma não desejam sentir o gostinho amargo da decepção ao descobrirem que não vai rolar aquele festão de formatura, é melhor “perder” um tempo fazendo pesquisas para não assinar um contrato de qualquer jeito.

Já ouviu falar que a pressa é inimiga da perfeição? Nenhum ditado cairia melhor nesse contexto. Imagine vocês se preparando para o grande dia, convidando ozamigos e os parentes para participar da cerimônia e do grande baile, para, ao final, serem surpreendidos por uma empresa caloteira? Nananinanão!

Em tempos remotos, os contratos eram fechados na base da confiança e no que estava escrito no papel. Esses tempos mudaram e a tecnologia ajudou muito nisso — toda e qualquer informação pode ser adquirida com alguns cliques, telefonemas ou bate papo informal. Você vai se sentir um verdadeiro Sherlock Holmes!

Dicas de como evitar calote de empresa de formatura

Que tal umas boas dicas para não cair no conto do vigário e correr o risco de ficar sem o suporte de formatura? A comissão deve observar atentamente cada detalhe. Lembre-se de que quem faz a primeira abordagem é alguém treinado para convencer o cliente sobre os melhores serviços e custo-benefício.

Aquele tempo do vovô em que meia palavra bastava já não existe mais. É preciso bem mais do que algumas promessas para transmitir confiança e garantir a assinatura de um contrato de valor elevado.

Afinal, não é todo dia que se banca uma festa com tudo que se tem direito para comemorar a conquista de um diploma. Caso contrário, não seria necessário montar uma comissão de formatura, juntar cada moedinha e fazer evento de arrecadação para custeio da formatura.

Por isso, separamos para você algumas dicas que vão ajudar a acertar na escolha de uma empresa séria e competente para cuidar da formatura da sua turma e arrasar nos preparativos.

Pesquise em redes sociais e/ou sites de reclamação

Redes sociais não são fontes apenas de babados e tretas não, viu? Você e quem mais for designado para a missão podem e devem vasculhar a internet em busca de informações sobre qualquer empresa que esteja apresentando proposta.

Você não escolheu aquele vestido de formatura maravilhoso para não usar no dia mais glamouroso e esperado pela maioria. Pelas redes sociais, você vai saber muito sobre as empresas de formatura.

Os sites do tipo “Reclame Aqui” são ótimos para fazer consultas. Não se baseie apenas por eles, mas muitos formandos inconformados utilizam um canal como esse para demonstrar a insatisfação com um serviço não prestado ou um calote recebido.

Powered by Rock Convert

Busque indicações de outros formandos

Como os formandos adoram postar sobre uma noite bem-sucedida, pode apostar que tudo que uma empresa fizer de bom ou ruim estará estampado com bastante destaque em todos os canais de divulgação da web.

Se você tiver um coleguinha de outra turma que se formou antes da sua, será ainda mais fácil colher informações sobre a conduta e os serviços das empresas. Pergunte tudo: sobre o atendimento, sobre o suporte, poder de negociação com fornecedores e principalmente expertise em festas de formatura.

Outro fator a ser observado é que o calote não deve se caracterizar apenas pela perda financeira. Qualquer serviço prometido e não prestado no prazo acordado ou conforme cláusulas de contrato é caracterizado como má-fé. Essa postura vai no mínimo gerar prejuízo emocional a toda a turma.

Avalie atentamente o contrato

Que o contrato é a formalização do acordo entre as partes, já sabemos. O que vale salientar é que tudo que for acordado entre a turma e a empresa de formatura deve constar em cada tópico e cláusula do contrato.

Ele é o documento que garante o cumprimento dos serviços propostos pela empresa e vai permitir a adoção de medidas cabíveis para ajudar a evitar calote da empresa de formatura — infelizmente, os golpes são mais comuns do que você pode imaginar.

No contrato, devem constar os principais:

  • descrição dos serviços;
  • prazos;
  • preços;
  • formas de pagamento;
  • obrigações das partes;
  • penalidades.

Observe a reputação da empresa

Vamos combinar que o mínimo que se espera é por uma formatura de sucesso, né non? Empresas comprometidas vão se preocupar antes de mais nada em preservar a própria reputação para vender às turmas.

Uma empresa séria zela pela marca e a protege com todas as forças, pois sabe que é umas das grandes referências no mercado, quando uma turma começa a procurar pela assessoria de formatura.

Durante as pesquisas, será muito fácil identificar quais são as empresas com perfil adequado. Não acredite em tudo que os representantes disserem. Vá em busca de referências e verifique inclusive o CNPJ da empresa, se for o caso.

Algumas empresas podem investir no nome fantasia para criar um bom relacionamento no mercado, mas estarem com a razão social seriamente comprometida — financeira e tributariamente — junto aos órgãos competentes.

O CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica) funciona como o CPF para pessoas físicas e, se forem acionadas por instituições de análise de crédito, por exemplo, as empresas de formatura podem ser penalizadas e perder a autonomia de negociação com fornecedores.

Imagine que a empresa de formatura deve ser o elo entre a sua turma e todos os serviços contratados. Se a reputação não for das melhores, como serão fechados os contratos de longo prazo?

Agora você já sabe como evitar calote de empresa de formatura e vai ficar esperto na hora de negociar com as empresas que procurarem a sua turma para oferecer serviços. Não se esqueça de que esse é um momento único e tudo precisa ser bem organizado para garantir um arraso de noite perfeita.

Curtiu este post? Que tal ficar ainda mais por dentro do assunto e manjar bem dos paranauês das festas de formatura, conhecendo a fundo os erros que devem ser evitados na organização? De tão expert, vai que rola de abrir franquia de uma empresa topzeira de formatura, hein!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *